SINOP, MT 16 de outubro de 2018

Forças de Segurança prendem 45 invasores de área de garimpo em Pontes e Lacerda

Forças de Segurança prendem 45 invasores de área de garimpo em Pontes e Lacerda
25/04 2016 14:54 Fonte: Camila Molina | PJC-MT Imprimir

Quarenta e cinco pessoas que invadiram a área de garimpo da Serra do Caldeirão em Pontes e Lacerda (448 km a Oeste) foram presas pela Polícia Judiciária Civil e a Polícia Militar, na sexta-feira (22.04). A ação foi desencadeada após a empresa privada, que faz a segurança da região, acionar a Polícia sobre à invasão.  

Todos os detidos serão autuados em flagrante pelo crime de extração ilegal de minério. Uma mulher responderá por tráfico de drogas e um homem por tentativa de homicídio. A ação está inserida na operação da Secretaria de Segurança Pública, Carga Máxima, deflagrada para intensificar o combate à criminalidade em todo Estado.

A ação teve início após um representante da empresa de segurança registrar o boletim de ocorrência na Delegacia de Pontes e Lacerda, informando que a região do garimpo havia sido invadida por várias pessoas que portavam armas de fogo, inclusive de cano longo.

Para entrar na área, os garimpeiros efetuaram disparos contra os seguranças e ameaçaram atear fogo na base da mineradora responsável pela região, que fica no topo da serra. Imediatamente, o delegado Gilson do Carmo Silveira reuniu a equipe de investigadores da delegacia e solicitou apoio da Polícia Militar para ida até o local.

Quando os policiais chegaram à região de garimpo, a área já estava ocupada por cerca de 80 pessoas.  Os garimpeiros colocaram “olheiros” para monitorar os seguranças e a eventual chegada da Polícia, além de um grupo armado que tinha como objetivo reprimir a abordagem policial, atirando contra quem se aproximasse.

Após o estudo do local, os policiais montaram uma estratégia para ingressar na área, entrando por vários lados. O grupo armado reagiu atirando contra os policiais e durante troca de tiros, um dos garimpeiros armados foi atingido na perna, sendo socorrido e encaminhado ao Hospital de Pontes e Lacerda.

Outra parte da equipe de policiais fez a abordagem dos ocupantes da área, conseguindo realizar a detenção de 43 pessoas, que foram conduzidas a Delegacia de Pontes e Lacerda. Muitas pessoas que ocupavam a área correram e se esconderam no mato. Mais tarde, dois garimpeiros foram detidos pelos seguranças da região e encaminhados à delegacia.

Uma porção de pasta base de cocaína foi apreendida com uma mulher detida na ação. O garimpeiro, que integrava o grupo armado e que acabou atingido, responderá por tentativa de homicídio.

Segundo o delegado Gilson Silveira do Carmo, os garimpeiros estavam se preparando para retomar a extração de minério na área. “O grupo invadiu a serra com objetivo de primeiramente ocupar a área e durante a noite chegariam os equipamentos para extração”, disse.